Morumbi: modernidade, áreas verdes e boas compras valem a escolha

Quando ouve-se falar do bairro Morumbi, em São Paulo, a ideia que vem à mente é sempre sofisticação. Sem sombra de dúvida, podemos dizer que esse conceito não está errado, mas o local também reúne outras facetas.

Essa região, que todo mundo conhece como Morumbi, é, na verdade, um conglomerado de 11 bairros, que abrange do Butantã ao Campo Limpo.

Foi o último bairro de São Paulo a ser urbanizado, mas já com a preocupação de manter muitas áreas verdes em seu torno. E isso não mudou com o tempo, mas somada a essa característica muito positivo vieram outras.

Uma delas é a modernidade, assim como a Vila Olímpia, o bairro do Morumbi tem prédios e empreendimentos muito modernos, infraestrutura completa que atende a ampla parcela das classes alta e média alta paulistanas, com opções de lazer, cultura, saúde e educação.

História do Morumbi

Uma das regiões mais ricas da cidade de São Paulo, que ainda preserva muitos casarões imponentes, teve passado semelhante no que diz respeito à riqueza e sofisticação.

Numa área de cerca de 8.000 m2, ficava a Fazenda Morumbi, que, além de uma capela e extensa área verde, comportava uma casa luxuosíssima, construída pelo regente Diogo Antônio Feijó, em 1813.

No local, havia o cultivo de chá e videiras, porque no início do século 19, o rei Dom João VI, doou a propriedade ao agricultor inglês John Rudge, justamente com a intenção de cultivar esses produtos, que eram muito apreciados pelo rei.

O local mostrou-se perfeito porque tinha um clima mais ameno que outras áreas da cidade.

Por volta de 1840, o local foi vendido e no início do século 20 uma praga pôs fim dos cultivos na fazenda.

Esse foi o pontapé inicial para que o terreno fosse loteado em áreas menores, que se transformaram em chácaras e pequenas fazendas.

Posteriormente, vieram a ser endereços de empreendimentos famosos que conhecemos atualmente, como o Estádio do Morumbi, o Shopping Morumbi e a Universidade Anhembi Morumbi.
Mas para quem quiser conferir registros dessa história, ainda é possível, porque a Capela e a Casa da Fazenda do Morumbi foram restauradas e tombadas pelo Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo).

A beleza do espaço já rendeu até locações para produções cinematográficas, como o filme “A Nova Primavera”, de Franco Zefirelli.

Morumbi modernidade, areas verdes e boas compras valem a escolha

Como chegar ao Morumbi?

Afastado 15 quilômetros do centro da capital paulistana, o bairro é localizado na zona sudoeste de São Paulo.

Para chegar ao bairro, a indicação mais fácil é a Marginal Pinheiros, já que a área do bairro ocupa parte da margem oeste do rio. Além disso, as avenidas Giovanni Gronchi e Morumbi cortam o território do bairro.

Mas para quem quer descartar o uso de carros para chegar ao Morumbi, também há opções de usar a linha Lilás do Metrô, conhecida como Linha 5.

Para descer no coração do bairro, é só descer na Estação Giovanni Gronchi, que fica sobre o Terminal Rodoviário João Dias.

Para chegar ao bairro, a estação Morumbi, da Linha Amarela, também é outra opção que foi recentemente inaugurada. A localização exata da estação é em frente ao Shopping Butantã.

Quais são os pontos famosos do Morumbi

O bairro é repleto de endereços paulistanos famosos. Um deles é o Palácio dos Bandeirantes, que é a sede do Governo de São Paulo.

Na área da Saúde, o bairro tem em seu território o famoso Hospital Albert Einstein Morumbi, que tem endereços em outros bairros também, e o Hospital São Luiz Morumbi.

Mas um dos pontos mais famosos do bairro é, sem dúvida, o Estádio do Morumbi, que é a sede oficial do time de futebol do São Paulo.

Por conta disso, é mais do que comum as pesquisas com a pergunta: “Como Chegar no Estádio do Morumbi?”.

Por sinal, a melhor resposta é ficar na São Paulo-Estação Morumbi, na Linha Amarela do metrô, que fica a 1,5 km do estádio.

No Estádio Morumbi, além de assistir a partidas de futebol e shows, o visitante pode conhecer a história do clube na Sala de Troféus, e até tentar marcar um gol na área de aquecimento.

Morumbi modernidade, areas verdes e boas compras valem a escolha

Como chegar no Shopping Morumbi?

Inaugurado em 1982, o Morumbi Shopping é uma das opções de lazer do bairro.

Para chegar ao empreendimento, que fica na avenida Roque Petroni Júnior, não há estações de metrô mais próximas.

Uma alternativa para quem não está de carro é utilizar a Estação Morumbi, de trem, que faz integração com a estação Pinheiros, de metrô.

No Shopping Morumbi, as lojas de alto padrão são variadíssimas, são mais de 400, e há opções de lazer, como teatro e o parque Hotzone, de jogos eletrônicos. O shopping oferece também iniciativas sazonais, como exposições e pista de patinação, além de ampla área gastronômica. Porém, no Shopping Morumbi, cinema não é uma opção.

Mas se não tem cinema no Shopping Morumbi, por outro lado, a segunda loja de uma das marcas mais famosas na área da telefonia que foi inaugurada no Brasil, a Apple Morumbi, fica neste shopping. A primeira loja do país está no Rio de Janeiro.

A Apple do Shopping Morumbi é a maior da América Latina, com espaço suficiente para atrair os fãs da marca da maçã, que não são poucos e, às vezes, fanáticos pelos produtos.

Só para se ter uma ideia, na abertura do empreendimento, teve fã que aguardou 16 horas do lado de fora, antes da abertura.

Outras opções de shopping

Mas no bairro ainda existe a opção do Morumbi Town Shopping, na avenida Giovanni Gronchi,  que oferece opções de compra bem variadas, atrações para lazer, hipermercado, academia, área de alimentação. E,  no Morumbi Town, cinema é sim, uma opção.

No local, o cinema do Morumbi Town é da rede Cinesystem, que é o primeiro da rede instalado na capital. Tem nove salas e projeção a laser, e é um dos mais modernos da cidade.

O Shopping Cidade Jardim, que fica na avenida Magalhães de Castro, é um dos mais badalados do Brasil.

Em seus corredores, cafés e restaurantes, é muito comum testemunhar a presença de celebridades, como blogueiras internacionais e artistas.

O shopping é um centro de alto padrão que reforçou o conceito do luxo, mas também apresenta outros atrativos como o fato de ser amigo do verde e petfriendly.

Além disso, os eventos de moda, que atraem público especializado, são bastante comuns no espaço.

Na área do cinema, a Cinemark é a rede que atende ao público do shopping.

O shopping Jardim Sul é outra opção do bairro. Esse empreendimento é bem tranquilo, mas atrai grandes filas para o seu cinema, que é atendido pela rede UCI.

Morumbi modernidade, areas verdes e boas compras valem a escolha

Mais lazer no Morumbi

Quando dissemos que as áreas verdes e ruas arborizadas são o forte do Morumbi não foi exagero. Vale dizer que também servem como atrações de lazer e relaxamento no bairro.

Além da Casa da Fazenda já comentada, outra área que merece a visita é o Parque Burle Max, que recebeu o nome do famoso paisagista que o projetou.

No local, há muitas trilhas com espécies da original Mata Atlântica, pequenos animais e áreas para deliciosos piqueniques. Aos finais de semana, food trucks dão um incremento na alimentação dos frequentadores.

Também vale um passeio ao Parque Alfredo Volpi, que reserva pistas para caminhada e trilha em mata fechada.

O Palácio dos Bandeirantes também merece a visita dos moradores e visitantes do bairro. Além da beleza arquitetônica, lá o importante acervo artístico ganha exposições temporárias que podem ser visitadas pelo público. E o melhor, o passeio, onde é possível conferir o Salão dos Pratos e a Galeria dos Governadores, é gratuito.

A Praça Vinicius de Moraes, que fica em frente ao Palácio, é onde os moradores se exercitam, em meio a muitas árvores, aparelhos de ginástica e pista de 1.500 metros.

Outro ponto que merece a visita no Morumbi é a Casa de Vidro, ícone da arquitetura moderna, projetado por Lina Bo Bardi. Além das paredes de vidro, a residência fica numa área de 7.000 m2 de verde.

Morumbi modernidade, areas verdes e boas compras valem a escolha

Bares e restaurante no bairro do Morumbi

Além de excelentes padarias, o bairro também tem à disposição bares, pizzarias e restaurantes de todos os estilos.

Há opções de culinárias de vários países, mas alguns rodízios japoneses são destaque, como o Naoto Sushi e o Tadashii.

Outro ponto muito frequentado é o bar-restaurante Nossa Senhora, com mesas na área externa e boa carta de vinhos.

com estilo bem gaúcho, uma opção entre as churrascaria é a Poncho Verde, com decoração rústica e aconchegante.

Já um dos restaurantes mais disputados do bairro é o Era Uma Vez um Chalezinho

Para quem quer uma boa opção entre bares e que reserva uma aura meio Vila Madalena, a dica é o Bar Bendito, que reserva agradáveis mesinhas na calçada.

Para quem tem ama hambúrguer a ponto de nem querer saber o preço de um bom sanduíche, a opção é o Burguer Lab Experience, onde um lanche pode custar mais de R$ 200.

Morumbi modernidade, areas verdes e boas compras valem a escolha

Infraestrutura hoteleira

Quem vai ao bairro a viagem de negócios ou até mesmo para turismo pela cidade de São Paulo, também conta com uma grande infraestrutura hoteleira no bairro.

São empreendimentos de todas as categorias, para tipos variados de turismos e bolsos. Entre eles, o Ibis Morumbi e o Blue Tree Morumbi são opções muito buscadas por quem está na cidade para trabalho e precisa de hospedagens por um período rápido.

Já na categoria 5 estrelas, o Hilton Morumbi é uma opção muito vantajosa, que fica a 5 minutos do Shopping Morumbi. No empreendimento, spa de luxo e piscina com vista panorâmica são alguns dos seus diferenciais.

Mas categorias com mais estrelas também são fartas no bairro, só no ano passado, o Morumbi recebeu dois hotéis de luxo: o Palácio Tangará e o Four Seasons. Ambos, além de arquitetura incrível, também contam com grande investimentos tecnológicos e mimos para hóspede 5 estrelas nenhum colocar defeito.

Está procurando apartamento no Morumbi?

 

Deixe uma resposta